Ocorreu um erro neste gadget

domingo, 4 de março de 2012

O Acre Existe sim!




De repente o Brasil acordou sabendo que o Acre existe. Infelizmente isso se deu da pior forma. Dessa vez não deu pra levar na brincadeira. Não deu pra esconder a situação como um primo feio que se nega o parentesco. Foi necessário que o estado fosse assolado por uma chuva torrencial e entrasse em estado de calamidade para que a imprensa deslocasse a bunda de suas equipes do ar condicionado e as enviasse rumo ao calor acriano para registrar a triste situação do estado e lembrar a elite brasileira de que chegar atrasado por conta da chuva na Marginal Tiete nem é tão terrível quanto parece.

Qual foi a última notícia que você escutou sobre o Acre?  Foi aquela sobre o terremoto? A do político assassino? Foi a morte de algum ativista? Ok,..deixa eu mudar minha pergunta, ... Qual foi a última BOA notícia que você viu sobre o estado do Acre? Uma que não o coloque nas paginas políticas e policiais. Já te foi sugerido uma viagem ao Acre no caderno de turismo de algum jornal?  
Sim, o Acre é longe. Porém, só continua isolado devido a ignorância das pessoas que só tomam conhecimento desse cantinho do Brasil quando alguma crise se instaura por lá. Como se o lugar fosse uma espécie de terra de ninguém.

É justamente essa falta de informação que faz com que as pessoas se sensibilizem mais com o tsunami no Japão do que com a situação do Acre por exemplo. Essa falta de vínculo que faz com que alguns se identifiquem mais facilmente com estranhos do outro lado do mundo do que com seus iguais.
Não sou acriano, mas particularmente, sempre que me olho nu em frente ao espelho me identifico mais com a grandeza selvagem de um índio, do que com a micro tecnologia oriental. Entende o que quero dizer?
Mas se não for o seu caso, desconsidere essa sentença.
Quer ajudar os Alagados do Acre? Comece desafogando sua mentalidade.
O Acre possui uma identidade cultural incrível, de fazer inveja a muitos outros estados que se limitam em copiar as festas típicas das grandes capitais. Tenho certeza que os acrianos também gostariam de ser lembrados pela mídia durante seu Festival do Açaí, na ExpoAcre, pela Cavalgada anual e até mesmo pela sua Parada Gay (Triste do estado que não tem a sua!!). Mas por favor, vamos alterar o chavão do ‘O Acre não existe’ para um ‘Eu não conheço o Acre’, assim sua ignorância fica menos acentuada. 
Afinal, eu também não te conheço, mas nem por isso sou idiota a ponto de dizer que tu não existe ou de repetir qualquer estupidez que escuto a seu respeito, justamente porque eu não te conheço. 
Deu pra entender a matemática da coisa?

Pra te ajudar, te informo que enquanto muitos estados já tentaram trair a pátria mãe reclamando por independência, o Acre é o único que já lutou de armas em punho pelo direito de fazer parte deste país. Talvez por que seja um dos últimos lugares onde a população ainda se mantém genuinamente brasileira, sem nenhuma ou com bem pouca influencia de imigrantes estrangeiros.
Uma terra que tem o sangue de sua gente impresso em sua bandeira, a mais verde e amarelo do país. 
Enfim,... O Acre é o Brasil raiz.

Nenhum comentário:

Postar um comentário